Você já deve ter ouvido falar de algumas startups de investimentos que, nos últimos tempos, vêm ganhando espaço na mídia e no mercado financeiro. Mas você sabia que elas já acumularam R$ 86 milhões em aportes nos últimos 12 meses?

Essas fintechs fazem parte da subcategoria de inovação em serviços financeiros chamada WealthTech, ou Invest-Tech, e estão atraindo investidores estrangeiros para o Brasil que estão vendo o potencial dessas startups.

O app de negociação de ações Robinhood tem mais de 4 milhões de usuários e foi avaliada em US$ 5,6 bilhões

Contudo, se ainda não sabe bem a inovação que estão trazendo para o Brasil, chegou a hora de conhecer essa tendência que no mercado lá fora já é realidade. A Robinhood, fintech norte-americana de negociação de ações sem taxas, recebeu um aporte em maio deste ano no valor de US$ 363 milhões e foi avaliada em US$ 5,6 bilhões.

As startups de investimentos brasileiras também estão recebendo aportes milionários, mas ainda não têm o destaque que as wealthtechs têm no mundo. Oferecendo tecnologias como a dos robôs-investidores e também serviços de investimentos focado na experiência do usuário a custos mais baixos – elas vieram para ficar!

Veja os aportes que as startups de investimentos receberam nos últimos 12 meses:

F(x)

A fintech F(x), startup que une financiadores e empresas em busca de investimentos, recebeu um investimento de R$ 10 milhões da e.Bricks Ventures e mais dois investidores institucionais não divulgados. (Saiba mais)

Magnetis

A fintech Magnetis, startup de investimentos, anunciou em abril um aporte de série A de R$ 17 milhões. O investimento foi liderado pelo fundo brasileiro Monashees e a Vostok Emerging Finance, além disso teve a participação do Redpoint e.ventures e investidores-anjo. A Magnetis é uma das fintechs que se destacam no ramo de investimentos com robo-advisors no Brasil.

Mais Retorno

A fintech Mais Retorno recebeu R$ 1 milhão de aporte de investidores-anjo do Rio Grande do Sul. A empresa foi criada há um ano e está com R$ 120 milhões em carteira. A meta da startup é atingir R$ 2 bilhões em 2020. O aporte será usado para expandir a equipe e acelerar o desenvolvimento tecnológico do site. (Saiba mais)

Par Mais

A fintech Par Mais, fintech catarinense de investimento, recebeu um aporte de R$ 6 milhões do Grupo Valorem, de Joinville. Fundada em 2011, a startup pretende usar os recursos para aprimorar a plataforma tecnológica que visa facilitar o acesso online a investimentos financeiros e acompanhamento das respectivas carteiras. (Saiba mais)

Toro Investimentos

A fintech Toro Investimentos, startup de investimentos e educação financeira, recebeu um aporte de R$ 46 milhões por cerca de 25% de suas ações de um grupo de investidores, incluindo Eugênio Mattar, atual CEO da Localiza. Em julho de 2018, ela passou a operar como corretora de valores, após receber autorização do Banco Central e da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), e se tornou a primeira fintech a abrir uma corretora do zero. (Saiba mais)

Vérios

A fintech Vérios, pioneira em gestão automática de investimentos (também chamada de robo-advisory), recebeu um aporte de R$ 5,2 milhões numa rodada de investimentos série A, liderada pela e.Bricks Ventures. Também participaram da rodada a aceleradora Startup Farm e alguns dos investidores-anjo que investiram na Vérios bem no início e aproveitaram a oportunidade para ampliar sua participação na empresa. (Saiba mais)

Yubb

A fintech Yubb, um buscador de investimentos, acaba de recebeu um aporte de R$ 1 milhão numa rodada com seis investidores. O Yubb pretende aplicar os recursos do investimento em marketing, programação webdesign e produtos. Em 2017, o Yubb apresentou 300 mil listas de pesquisas feitas por 2 milhões de usuários, apresentando 1.300 opções de investimentos de 122 instituições financeiras diferentes no Brasil. (Saiba mais)

 

Quer conhecer mais sobre as fintechs que estão mudando o setor de Crédito no Brasil? Participe do Cred-Tech Brasil, um encontro onde o mercado se reunirá para discutir os próximos passos da inovação nessa indústria. Garanta sua vaga aqui.