A chegada de carros mais inteligentes impactará de uma maneira muito positiva o mercado de seguros! Com a chegada de carros que possuem recursos que auxiliam o motorista no modo como ele dirige, um novo caminho de como o mercado enxerga o motorista se abre. Imagina poder andar de carro sem precisar dirigir? Trabalhar e até mesmo viajar de uma forma mais descontraída e produtiva. Agora imagina tudo isso e ainda pagar menos no preço do seguro auto.

De acordo com um estudo americano feito pela Metromile e divulgado pelo jornalista Greg Frerenstein, com a chegada dos carros autônomos, o preço do seguro cairia cerca de 80%. Ou seja, o motorista passará a economizar em média de US$1.000 por ano, o equivalente a quase R$4.000, aqui no Brasil.

Mas por que essa economia toda no preço do seguro? Carros autônomos têm um registro de direção quase perfeito; até agora, quando carros se envolvem em acidentes, é porque humanos estão atrás do volante. Desde que o Google começou a divulgar detalhes sobre acidentes de carro autônomos, relatórios do Wall Street Journal e da KPMG previam um encolhimento significativo no setor de seguros de automóveis. Vale lembrar que dados do Observatório Nacional de Segurança Viária mostram que 90% dos acidentes são resultado de decisões erradas do motorista.

É importante lembrar que, os carros autônomos geram um seguro mais justo porque:

  1. Eles são mais resistentes, por terem estruturas feitas de aço e um peso mais leve do que um carro comum. Ou seja, não precisam de tanto reparo.
  2. O custo de um carro autônomo no exterior é mais barato e fácil de substituir em caso de acidente.
  3. A maioria das pessoas que possuem carros autônomos e/ou inteligentes tendem a ter um perfil de menor risco, são ecologicamente mais conscientes e estatisticamente avessas ao risco.
  4. Os carros inteligentes não estão 100% desenvolvidos e tendem a ter menos recursos, por isso é improvável que as pessoas se envolvam em comportamentos arriscados, como aqueles associados a carros esportivos ou outros carros de alta potência.
  5. A maioria das pessoas que possuem estes tipos de carro, não rodam muitos quilômetros por não confiarem muito no carro para viagens mais extensas.

Com isso em mente, nós da Thinkseg sempre estamos buscando um novo modelo que se ajuste a esse cenário de inovação. Nascemos para pensar sempre em como oferecer produtos diferentes, personalizados e baseados em comportamento e compartilhamento de dados. Nosso time tem se dedicado no desenvolvimento do Seguro Auto Pay Per Use, que se baseia em comportamento do motorista. Utilizando uma arquitetura proprietária e exclusiva que identifica e cria padrões de individuais sobre a condução de cada motorista, conseguimos mudar completamente o jogo dos seguros no Brasil pensando em produtos mais inteligentes, e consequentemente mais justos.

Não dá mais para o bom pagar pelo mal motorista. Existem muitos motoristas que sempre tiveram um histórico positivo, mas que, por uma infelicidade, esse mesmo motorista tenha um sinistro no ano e tenha que pagar mais por isso… mesmo tendo um histórico positivo e não sendo o causador deste acidente. Um seguro 100% individualizado, democratiza o seguro, dando mais acesso para aqueles que não poderiam pagar por essa proteção ou para aqueles que dirigem pouco ou diversificam as formas de como se deslocar, utilizando carro de aplicativos, bikes e até patinetes elétricos durante a semana.

Com esse novo mundo, onde a tecnologia está dando o rumo das decisões, buscamos dar a possibilidade para que o usuário saiba como ele está dirigindo, o que ajuda na conscientização e boa educação no trânsito. Se a pessoa é um bom motorista e dirige dentro das normas do trânsito, porque não recompensá-la por isso na redução do valor de seu seguro?

Essa é a nossa aposta para o futuro do mercado de seguros! O modelo de Seguro Auto Pay Per Use vai se tornar cada vez mais relevante, uma vez que a geração Y impõem suas preferências no mercado.

Sobre o Autor:
Andre Gregori é CEO e Fundador da Thinkseg

Quer conhecer mais sobre as InsurTechs que estão mudando o setor de seguros no Brasil? Participe do InsurTech Brasil, um encontro onde o mercado se reunirá para discutir os próximos passos da inovação nessa indústria. Garanta sua vaga aqui.