O Nubank, a sexta maior instituição financeira do país em número de clientes, acaba de fechar a sua maior rodada de investimentos até agora, com a promessa de acelerar o já impressionante crescimento no Brasil.

O Nubank levantou US$ 400 milhões em sua sétima captação até agora, disse o CEO e co-fundador David Vélez, em uma entrevista. Desde a rodada anterior em 2018, a base de clientes da empresa mais do que dobrou, atingindo mais de 12 milhões de pessoas no Brasil, disse ele.

A transação avalia a fintech em US$ 10,4 bilhões, disse uma pessoa próxima à transação, que não quis ser citada porque os detalhes não são públicos. Com isso, o Nubank vale algo similar ao BTG Pactual — que tem cerca de US$ 13 bilhões em valor de mercado, na cotação atual. Vélez não comentou os números de avaliação.

“Há uma grande oportunidade de acelerar nosso crescimento no Brasil e na América Latina, lançando novos produtos e ocupando novos espaços”, disse Vélez. “Dado que há muito capital disponível no mundo para uma empresa como a nossa, decidimos colocar o pé no acelerador.”

Liderando a nova rodada está a TCV, um dos primeiros investidores da Netflix e do Spotify, em seu primeiro grande investimento na América Latina. Os investidores existentes Tencent, DST Global, Sequóia Capital, Dragoneer, Ribbit e Thrive Capital também participaram da rodada. O Nubank levantou US$ 820 milhões em aportes de capital desde que foi fundado, incluindo o investimento liderado pelo TCV.

O sucesso do Nubank em oferecer aos brasileiros um produto de cartão de crédito sem burocracia e tarifas levou a empresa a expandir a variedade de produtos que vende e a buscar crescer fora de seu país de origem. O Nubank agora oferece investimentos, cartões de débito e empréstimos a clientes e recentemente começou a testar uma conta digital para pequenas e médias empresas. Neste ano, a empresa anunciou a abertura de um escritório no México e na Argentina, enquanto estudava a expansão para outros mercados latino-americanos.

“O número de novos clientes que trazemos por mês quadruplicou desde o começo do ano”, disse Vélez.

O Nubank tem mais de 1.700 funcionários no Brasil, Alemanha, Argentina e México. Vélez diz que a empresa está planejando acelerar contratações e terminará em 2019 com cerca de 2.200 funcionários.

Fonte: Valor.com.br / Por Felipe Marques

Quer conhecer mais sobre as InsurTechs que estão mudando o setor de seguros no Brasil? Participe do InsurTech Brasil, um encontro onde o mercado se reunirá para discutir os próximos passos da inovação nessa indústria. Garanta sua vaga aqui.